Coelho do Porto Santo à Caçador

Na Madeira não existe caça grossa, mas a ilha possui cultura de caça. Esta receita que lhe trazemos hoje, foi criada para o concurso das sete maravilhas da gastronomia portuguesa, uma vez que o Porto Santo nunca teve referências gastronómicas próprias. Há muitos anos atrás, o coelho constituiu uma fonte de alimento importante numa altura de poucos recursos, mas hoje em dia poucos conhecem essa tradição.

Fonte

Siga a receita e faça-o em casa!

Ingredientes

1 cebola
1 coelho bravo
1 pitada de sal
2 dentes de alho
Banha q.b.
Temperos a gosto (alecrim, segurelha, pimenta da terra)
Vinagre de vinho q.b.
Vinho tinto q.b.

Preparação

Cortar a peça de carne em nacos e temperar a gosto com 12 horas de antecedência.
Cozer a carne durante meia hora em água sem tempero.
Cortar os talos de cebola em rodelas, esmagar os alhos e refogar com banha de porco juntamente com a carne pré-cozida caramelizando até obter cor dourada.
Adicionar o vinho e o caldo da cozedura até cobrir a carne.
Deixar cozinhar em lume brando e finalizar com umas gotas de vinagre de vinho.



Sem comentários:

Publicar um comentário